All in Desenvolvimento Pessoal

Você toma para si a responsabilidade por sua vida?

Dez ou onze anos atrás quando comecei a conhecer o mundo do desenvolvimento pessoal de coaching, tive a oportunidade de ler um livro chamado The Compound Effect de Darren Hardy (não sei se já existe traduzido para o português, na época não havia).


Nesse livro, Darren contava uma estória muito poderosa, que ocorreu quando ele estava com 18 anos. Nesse período, ele foi em um seminário do Brian Tracy, um dos caras mais famosos no mundo de coaching por aqui.


Como escolher entre o desespero e a possibilidade?

​​​​​​​Quantas vezes você já se sentiu frustrada, talvez desesperada até, por não conseguir alcançar as expectativas que outras pessoas tinham de você ou talvez suas próprias expectativas consigo mesma?


Então quero compartilhar um segredo que vai fazer toda diferença em sua vida quando essa frustração acontecer: se dê uma nota 10.


Isso mesmo. Só que o contexto dessa nota 10 é um pouco diferente das notas que você recebia lá na escola, por exemplo. Vou te explicar:

Você tem coragem de fazer o que precisa?

Coragem. Quantas vezes você já não usou essa palavra para dizer que não pode fazer algo porque te falta coragem?


É possível que você já tenha falado coisas assim: “Ah! Eu não posso fazer isso, eu não tenho coragem”, “Ah! Eu não posso fazer aquilo, eu não tenho coragem”.


Mas a realidade é que nós não precisamos viver uma vida corajosa como pensamos ou como muitas vezes fomos ensinados.


Quais desculpas você tem se dado?

Hoje não quero falar com você empreendedor ou empreendedora. Quero falar com você pessoa, que me lê aí do outro lado da tela.


Gostaria muito que você perguntasse a si mesmo: quais desculpas tem se dado?


Outro dia tive uma conversa com um amigo que havia se comprometido a fazer uma coisa que ele não estava mais com vontade de fazer.


Ele alegou que não era mais a paixão dele e ele reclamou também de se sentir perdido entre tantas coisas que estavam acontecendo.

Como utilizar a ansiedade a seu favor

Estamos inseridos em um contexto social onde as pessoas estão sempre ocupadas com uma série de compromissos, constantemente ligadas no celular, atentas a todas as informações possíveis - reconhece essas características?

 

Empreender no mercado digital nos exige estar tão conectados, que relaxar para ter uma boa noite de sono se tornou “sonho de consumo” para muitos de nós.

 

 

Esse excesso de estímulo que se tornou normal é um dos motivos, inclusive, pelo qual cada vez mais pessoas estão sendo diagnosticadas com ansiedade, que junto com a depressão e o estresse, se tornaram as grandes doenças da modernidade.

Sobre assumir compromissos maiores que nossos próprios limites

Muitas vezes nos comprometemos além do que podemos dar conta. Isso é quase que rotineiro se você parar para observar bem seu dia a dia.

 

Gostaríamos de poder realizar mais coisas e esquecemos de observar nossos próprios limites. Começar a exercitar a auto-observação é uma das chaves para seguir adiante com seu próprio negócio.

 

Isso porque se está empreendendo, você mesmo vai dar o ritmo das coisas e como já disse aqui, as pausas são essenciais.

 

Quando agimos com a emoção costumamos nos comprometer com mais metas do que nossos próprios limites, isso porque desejamos mesmo realizá-las e como estamos entusiasmados, acabamos nos comprometendo com mais coisas do que podemos de fato realizar.

Os conselhos mais intrigantes que já recebi sobre a vida: fique indiferente e não seja você

Você já pensou nos conselhos mais intrigantes que recebeu sobre a vida por pais, amigos, professores e outras pessoas próximas a você? Já pensou o que fez com esses conselhos, e onde eles te levaram?

 

Esses aí dos títulos foram os meus, mesmo que não diretamente. E acredito que sejam o da maioria das pessoas, infelizmente.

 

Pense em vivências diferentes que você teve na sua vida e sua cultura até hoje, eles devem devem ser experimentados.

3 desafios que pessoas bem sucedidas superam

Se você  está há algum tempo investindo em seu negócio digital provavelmente tem uma lista pessoal de empreendedores que admira e procura imitar, seja mentalidade ou comportamento.

 

Em nosso mercado, de fato existem - dentro e fora do Brasil - pessoas admiráveis que valem nosso tempo para ouvi-las e aprender com elas.

 

Mas, o que te impede de ser você também, uma dessas pessoas?

 

Talvez nada. Pode ser que você já seja esse alguém e não tenha notado ou seja modesto demais para admitir.

 

E pode ser também que, apesar de estar caminhando e trabalhando para isso, existam coisas que você precisa aprimorar para chegar lá.

Como viver com liberdade

Há uma grande possibilidade dessa ter sido a pergunta de ouro para você, quando resolveu empreender digitalmente. Já reparou?

 

Claro que, alcançar mais pessoas e com isso escalar os ganhos, também são motivos que nos impulsionam.

 

Mas a oportunidade de construir um negócio que é a sua cara, fazendo aquilo que você ama, escolhendo seus próprios horários e rotina de trabalho, conseguindo assim conciliar uma vida pessoal com mais qualidade - a tal liberdade - é um motivo que, creio eu, quebra as barreiras de nicho e área de atuação e nos une todos em um propósito:

 

Sair do Status Quo, viver com mais liberdade.

Cuidado com o Grinch! Ele é o ladrão de sonhos

Sonho não é uma imagem toda colorida, cheia de estrelinhas e purpurina.

 

Não é fantasia muito menos imaginação. Sonho é aquilo que você tem vontade de fazer e às vezes guarda lá no íntimo.

 

Talvez seja um sonho antigo que nasceu com uma sementinha lá na infância ou um sonho novo, ganho da maturidade que você adquiriu com os anos.

 

Pode ser um carro, uma viagem ou simplesmente uma bela semana de descanso, se desconectando para recarregar, afinal, vivemos em uma sociedade extremamente conectada e dependente de recursos tecnológicos.

 

E acrescente um ‘plus’ a isso se você tem um negócio digital, hehe.

 

2 jeitos de lidar com a mudança

Como lidar com a mudança?

 

Essa talvez seja a pergunta de ouro que nós nem percebemos. Pois nessa caminhada dentro empreendedorismo digital o que mais queremos é mudança, não é?

 

Mas e quando ela acontece? Estamos preparados para lidar com isso?

 

Mudar é preciso, conversamos sobre isso há algum tempo. Só que algumas mudanças, definitivamente não estão sob nosso domínio. Acontece.

 

Você está preparado para lidar com isso? Ou talvez já esteja lidando e nem mesmo tenha percebido?

3 fundamentos essenciais para formar um time altamente motivado

Trabalhei por 15 anos em RH de empresas grandes e um dos meus papéis era recrutar profissionais e formar times de alta performance.

 

Durante esse período uma coisa era certa, todo gestor queria muito acertar e colher a grata experiência de conviver e receber os frutos de ter um time de talento.

 

Posso te dizer que vi equipes se formarem e alcançarem níveis de excelência no que faziam, mas também vi gestores com dificuldades, dentre elas, a de lidar com profissionais desmotivados.

 

Quando começamos a falar sobre motivação é importante entender um elemento a respeito disso, estamos falando de uma porta que se abre de DENTRO para fora. Motivação é ter um motivo que leva, que impulsiona a ação, um motivo que leva um indivíduo a agir, a fazer acontecer.

 

E ter uma equipe motivada parte de dois princípios básicos: autoconhecimento e conhecimento. Autoconhecimento para entender o gestor somos - nossas fortalezas, mas também nossas oportunidades de desenvolvimento.

Como passar a mensagem certa para sua audiência com sua imagem pessoal

No mundo digital sabemos que precisamos passar nossa mensagem, ou a principal mensagem em poucos segundos dentro de um vídeo por exemplo, para não corrermos o risco de perder nossa audiência.

 

Por mais que você tenha consciência de que o seu curso é maravilhoso e que tem enorme potencial para transformar a vida das pessoas, você precisa também conseguir fazer as pessoas saberem disso.

 

É preciso conseguir passar essa informação em pouco tempo, nos primeiros segundos, para não correr o risco de perder seu potencial cliente e ele perder a chance de mudar de vida.