3 maneiras de se inspirar quando construir seu curso online

Se você já construiu ou está construindo seu curso online, pode ser que se identifique bastante com a situação a seguir.


 

É muito comum no meio desse processo darmos pequenas travadas. Você já tem o desenho do seu curso pronto e ainda assim começa a se questionar: será que é isso mesmo?


 

Será que vai dar certo, que os alunos vão aprender, vão gostar… Será que as pessoas realmente precisam disso e vão comprar? E vários outros serás possíveis.


 

Bater essa insegurança é completamente normal, especialmente para quem está nessa pela primeira vez.

O que podemos aprender com o escândalo Cambridge Analytica?

Se por um acaso o nome não tocou um sino por aí, estou me referindo ao App de teste de personalidade integrado ao Facebook, que “vazou” dados de milhares de usuários do Face.

 

Se por um acaso não leu nada sobre isso, pode saber mais nessa matéria.

 

As medidas aparentemente drásticas tomadas pelo Facebook para prevenir situações como essa é para nos fazer refletir ao menos um pouco sobre nossos negócios e estratégias digitais.

 

Já volto a falar sobre isso, primeiro, vamos entender um pouco sobre essas medidas.

4 sinais que você sofre com o medo do sucesso

Sentir medo não é algo bem visto em nossa cultura. É permitido ter estresse, ansiedade e até depressão.

 

Mas medo é considerado coisa de criança. E esse é um tremendo equívoco!


Sentir medo na verdade, é um grande sinal de que você precisar parar um pouco e começar a ouvir mais os sinais que vem de dentro de você.


Encarar o seu medo pode acabar revelando muitas coisas sobre você. Principalmente se o que você teme é o sucesso, mesmo não tendo percebido isso.


Sim, é perfeitamente possível ter medo do sucesso e isso tem um nome e está se tornando cada vez mais popular.


É a Síndrome do Impostor.

Vender ou panfletar na internet: Qual você pratica?

Você com certeza deve fazer parte de vários grupos ou comunidades, no Facebook ou Instagram, certo?


 

Existem grupos específicos para vendas e trocas e também existem os grupos cujo tema principal é outro, mas onde as pessoas tem liberdade para oferecer algo.


 

Então imagine o seguinte contexto: eu sou coach e a todo momento estou sendo bombardeado de ofertas na internet.


 

Você talvez não seja coach, mas se tem um negócio digital, também passa pela mesma coisa.

Como utilizar a ansiedade a seu favor

Estamos inseridos em um contexto social onde as pessoas estão sempre ocupadas com uma série de compromissos, constantemente ligadas no celular, atentas a todas as informações possíveis - reconhece essas características?

 

Empreender no mercado digital nos exige estar tão conectados, que relaxar para ter uma boa noite de sono se tornou “sonho de consumo” para muitos de nós.

 

 

Esse excesso de estímulo que se tornou normal é um dos motivos, inclusive, pelo qual cada vez mais pessoas estão sendo diagnosticadas com ansiedade, que junto com a depressão e o estresse, se tornaram as grandes doenças da modernidade.

3 hábitos que te atrapalham construir um bom curso online

Frequentemente me perguntam uma dica top para construir um curso online.

 

Uma pergunta super válida, mas a verdade é que não dá para construir um curso bom, de fato, com apenas uma dica - por mais maravilhosa que ela seja.

 

Muitas vezes, o que nos atrapalha ou impede de ter um bom resultado, seja na vida, no trabalho e na construção de cursos, não é aquilo que fazemos, e sim, aquilo que NÃO estamos fazendo.

 

Faz sentido para você? Por exemplo, pense em uma pessoa que trabalha 20 horas por dia e se queixa de não ter resultados aparentes.

Empreendedorismo Positivo: uma nova forma de pensar (e viver) a vida pessoal e profissional

Quando tive meu primeiro contato com o empreendedorismo, lá na década de 90, lembro de ter lido em um livro que os empregos em algum momento acabariam.

 

Na época, tal informação me surpreendeu: afinal, como seria isso? Ficava imaginando um futuro inspirado no desenho dos Jetsons, com carros voadores, robôs e todo aquele aparato tecnológico.

 

Embora não tenhamos chegado a tanto, hoje é possível perceber que muita coisa já mudou. Tiago Mattos, autor do livro “Vai lá e faz”, reitera a informação quando afirma que “não vivemos uma Era de mudanças, mas uma mudança de Era”.

Sobre assumir compromissos maiores que nossos próprios limites

Muitas vezes nos comprometemos além do que podemos dar conta. Isso é quase que rotineiro se você parar para observar bem seu dia a dia.

 

Gostaríamos de poder realizar mais coisas e esquecemos de observar nossos próprios limites. Começar a exercitar a auto-observação é uma das chaves para seguir adiante com seu próprio negócio.

 

Isso porque se está empreendendo, você mesmo vai dar o ritmo das coisas e como já disse aqui, as pausas são essenciais.

 

Quando agimos com a emoção costumamos nos comprometer com mais metas do que nossos próprios limites, isso porque desejamos mesmo realizá-las e como estamos entusiasmados, acabamos nos comprometendo com mais coisas do que podemos de fato realizar.

Os conselhos mais intrigantes que já recebi sobre a vida: fique indiferente e não seja você

Você já pensou nos conselhos mais intrigantes que recebeu sobre a vida por pais, amigos, professores e outras pessoas próximas a você? Já pensou o que fez com esses conselhos, e onde eles te levaram?

 

Esses aí dos títulos foram os meus, mesmo que não diretamente. E acredito que sejam o da maioria das pessoas, infelizmente.

 

Pense em vivências diferentes que você teve na sua vida e sua cultura até hoje, eles devem devem ser experimentados.

Você é uma fraude?

Esse promete ser sem dúvida, O ANO DAS FRAUDES e eu não estou falando isso por causa do ano eleitoral não, estou falando do empreendedorismo de uma forma geral.

 

Sabe essa história de um monte de gente tentando mudar o mundo e a vida das pessoas, ainda que seja o seu próprio mundo e a vida das pessoas que moram de baixo de um teto só? Pois bem, tudo indica que esse ano teremos mais pessoas atingindo esse objetivo.

 

Se tem uma coisa que eu quero te pedir é que você que já está nesse jogo, NÃO PARE.

 

Quanto mais pessoas acreditando que é possível dar certo no mercado digital, mais exemplos nós teremos.

 

Entenda: que você é parte importante nessa mudança silenciosa chamada empreendedorismo.

 

Estratégias para dominar o mundo do trabalho

Você quer, de fato, dominar o mundo do trabalho?

 

Se é esse seu objetivo, seja mulher ou homem, vou te contar como fazer isso, é muito fácil e simples como uma receita de bolo. Bastam três ingredientes: paixão, ambição e encontrar o seu propósito ou missão. Pronto, pode acreditar, está tudo resolvido!

 

Eu não sei você, mas ando muito cansada dessa história "encontre seu propósito", "faça o que ama", "escolha sua vida" como se fosse um passe de mágica e todos os seus sonhos estarão realizados.

Duas formas de dizer NÃO a negatividade

Numa escala de 0 a 10, o quanto você é bom ou se sente confortável em dizer não?

 

Saber dizer não com tranquilidade, sem tabu, é um grande desafio para a maioria das pessoas e por outro lado, uma característica fundamental de todos que obtém sucesso em algo.

 

Esse é um assunto tão importante que com certeza falaremos sobre novamente em diferentes ocasiões. ;)

 

Por hora, gostaria apenas que você constatasse que, se é difícil dizer não para as pessoas, na mesma medida temos dificuldade em dizer não para hábitos que nem mesmo sabíamos ter.

 

E a negatividade, acredite, é um hábito devastador.

 

3 desafios que pessoas bem sucedidas superam

Se você  está há algum tempo investindo em seu negócio digital provavelmente tem uma lista pessoal de empreendedores que admira e procura imitar, seja mentalidade ou comportamento.

 

Em nosso mercado, de fato existem - dentro e fora do Brasil - pessoas admiráveis que valem nosso tempo para ouvi-las e aprender com elas.

 

Mas, o que te impede de ser você também, uma dessas pessoas?

 

Talvez nada. Pode ser que você já seja esse alguém e não tenha notado ou seja modesto demais para admitir.

 

E pode ser também que, apesar de estar caminhando e trabalhando para isso, existam coisas que você precisa aprimorar para chegar lá.

Como viver com liberdade

Há uma grande possibilidade dessa ter sido a pergunta de ouro para você, quando resolveu empreender digitalmente. Já reparou?

 

Claro que, alcançar mais pessoas e com isso escalar os ganhos, também são motivos que nos impulsionam.

 

Mas a oportunidade de construir um negócio que é a sua cara, fazendo aquilo que você ama, escolhendo seus próprios horários e rotina de trabalho, conseguindo assim conciliar uma vida pessoal com mais qualidade - a tal liberdade - é um motivo que, creio eu, quebra as barreiras de nicho e área de atuação e nos une todos em um propósito:

 

Sair do Status Quo, viver com mais liberdade.

Cuidado com o Grinch! Ele é o ladrão de sonhos

Sonho não é uma imagem toda colorida, cheia de estrelinhas e purpurina.

 

Não é fantasia muito menos imaginação. Sonho é aquilo que você tem vontade de fazer e às vezes guarda lá no íntimo.

 

Talvez seja um sonho antigo que nasceu com uma sementinha lá na infância ou um sonho novo, ganho da maturidade que você adquiriu com os anos.

 

Pode ser um carro, uma viagem ou simplesmente uma bela semana de descanso, se desconectando para recarregar, afinal, vivemos em uma sociedade extremamente conectada e dependente de recursos tecnológicos.

 

E acrescente um ‘plus’ a isso se você tem um negócio digital, hehe.

 

2 jeitos de lidar com a mudança

Como lidar com a mudança?

 

Essa talvez seja a pergunta de ouro que nós nem percebemos. Pois nessa caminhada dentro empreendedorismo digital o que mais queremos é mudança, não é?

 

Mas e quando ela acontece? Estamos preparados para lidar com isso?

 

Mudar é preciso, conversamos sobre isso há algum tempo. Só que algumas mudanças, definitivamente não estão sob nosso domínio. Acontece.

 

Você está preparado para lidar com isso? Ou talvez já esteja lidando e nem mesmo tenha percebido?

O ponto de vista de uma imigrante sobre o Sonho Americano

Esbarrei nessa matéria aqui navegando esses dias e não pude deixar de ter alguns pensamentos.

 

Há 17 anos, quando vim para os Estados Unidos empreender não estava exatamente na minha lista principal de objetivos.

 

Eu estava iniciando a vida adulta e minha principal motivação era fazer isso ao lado do homem que eu amava.

 

Sair do país, viajar de avião, administrar meu próprio dinheiro e a adaptação cultural foram apenas alguns dos desafios que enfrentei pela primeira vez - uns pela mudança, outros porque fazia parte da nova fase que estava vivendo, mesmo.

3 fundamentos essenciais para formar um time altamente motivado

Trabalhei por 15 anos em RH de empresas grandes e um dos meus papéis era recrutar profissionais e formar times de alta performance.

 

Durante esse período uma coisa era certa, todo gestor queria muito acertar e colher a grata experiência de conviver e receber os frutos de ter um time de talento.

 

Posso te dizer que vi equipes se formarem e alcançarem níveis de excelência no que faziam, mas também vi gestores com dificuldades, dentre elas, a de lidar com profissionais desmotivados.

 

Quando começamos a falar sobre motivação é importante entender um elemento a respeito disso, estamos falando de uma porta que se abre de DENTRO para fora. Motivação é ter um motivo que leva, que impulsiona a ação, um motivo que leva um indivíduo a agir, a fazer acontecer.

 

E ter uma equipe motivada parte de dois princípios básicos: autoconhecimento e conhecimento. Autoconhecimento para entender o gestor somos - nossas fortalezas, mas também nossas oportunidades de desenvolvimento.