A morte dos info-produtos

A morte dos info-produtos

Vídeo-aulas, e-books, podcasts, áudiobooks, webinários. Tenho certeza que você está familiarizado com a vasta gama de infoprodutos que existem hoje na internet. E justamente por isso, pode questionar a minha afirmação de que eles estão à beira da morte.

 

E realmente estão.

 

Se a sua intenção é empreender e se manter no mercado digital, fique atento as minhas palavras!

Apesar de o empreendedorismo digital ser relativamente novo aqui no Brasil, ele já atingiu um número considerável de consumidores, que hoje estão cada vez mais educados quanto a buscar uma coisa: transformação.

 

E o infoproduto, por si só, ainda que seja extremamente bem elaborado, não tem o poder de realizar transformações.

 

Ele apenas informa, diz que algo existe, conta como funciona, mas não faz o principal: estender a mão para o cliente e traze-lo para a ação.

 

Observe os grandes nomes brasileiros ou internacionais do empreendedorismo digital.

 

Independente do nicho de atuação de cada um, todos têm em comum o objetivo de causar impacto e despertar sua audiência para a ação. E esse deve também ser o seu objetivo ao criar seu curso online.

 

Experts do marketing digital, falam muito sobre construir uma oferta bem elaborada, matadora, que foque na transformação proporcionada em seus cursos e produtos.

 

Infelizmente, a grande maioria do que vemos no mercado não proporciona transformação de verdade — mas já imaginou que forma fantástica de se destacar no mercado se seus anúncios não forem a única coisa focada na transformação, mas se o seu conteúdo realmente for um mapa para ela?

 

Ter um produto que literalmente transforma a vida de seu cliente é a maneira mais segura e eficaz de estruturar um negócio sustentável e atingir o sucesso no empreendedorismo digital.

 

Por mais diversa que seja sua área de atuação, o conhecimento que você traz consigo foi responsável por mudanças em sua vida, mindset e carreira. E a capacidade de atingir essas mudanças é algo que você deve e precisa despertar em seu cliente, ao longo de todo seu curso. Esse é o diferencial que irá fidelizar seus clientes, além de trazer destaque e sucesso à sua marca.

 

Acha que isso pode ser muito trabalhoso ou até desnecessário, e pretende insistir na construção apenas de um info-produto e não de um curso online com substância e real poder de ensino e transformação?

 

Então te deixo aqui dois convites:

 

1) Conheça a página de cursos gratuitos e online que Harvard oferece. Ou que a USP disponibiliza. Conteúdos excelentes, certo?

 

2) E agora, reflita: com tanta competição de peso e informação gratuita em quantidades épicas disponíveis na internet, como você pode criar algo diferente que seja digno da atenção e investimento de pessoas cada vez mais atentas à qualidade e ao retorno no investimento dos cursos que compram?

 

Me deixe sua resposta nos comentários, vou gostar de saber sua opinião sobre isso!



E não esqueça de compartilhar a dica de hoje com aquela pessoa que você sabe que também irá se beneficiar desse conteúdo. ;)

 

Uma semana produtiva para você!

Priscila



Você está falando "humanês" com sua audiência?

Você está falando "humanês" com sua audiência?

Como se diferenciar de competidores que estão à sua frente

Como se diferenciar de competidores que estão à sua frente