3 maneiras de se inspirar quando construir seu curso online

3 maneiras de se inspirar quando construir seu curso online

Se você já construiu ou está construindo seu curso online, pode ser que se identifique bastante com a situação a seguir.


 

É muito comum no meio desse processo darmos pequenas travadas. Você já tem o desenho do seu curso pronto e ainda assim começa a se questionar: será que é isso mesmo?


 

Será que vai dar certo, que os alunos vão aprender, vão gostar… Será que as pessoas realmente precisam disso e vão comprar? E vários outros serás possíveis.


 

Bater essa insegurança é completamente normal, especialmente para quem está nessa pela primeira vez.


 

A verdade é que quanto mais tempo passamos “alisando” uma ideia, para deixá-la perfeita, mais problemas vamos encontrando ao longo do caminho e mais vamos nos afastando da ideia e da inspiração inicial, que tínhamos antes da construção do curso.


 

E se dificuldades ou desafios surgem nesse meio tempo, aí sim é mais possível ainda, termos segundos pensamentos e tirar o foco do que é importante.


 

A verdade é que, por mais que a decisão de ter um produto online tenha sido sua e que você tenha a expertise necessária para concluir essa etapa, ainda assim, a falta de inspiração, aquela que nos faz perder a empolgação inicial - quando colocamos a mão na massa sem olhar para trás - acontece.


 

E está tudo bem.


 

Anote essas dicas da tia Pri aí. Se você ainda não precisou delas em momentos de zero inspiração para continuar, pode precisar um dia.


 

E acredite, essa pausa produtiva pode ser a diferença entre um curso bom e outro maravilhoso. Então agarre a oportunidade pelo lado maravilhoso, combinado?

priscila-hinkle-curso-online.jpg


 

Converse com seus clientes


Mesmo que você não tenha nenhum aluno no seu curso online ainda, é provável que já tenha clientes na área que atue.


 

Converse com eles. Peça feedback do serviço ou produto que entregou ou simplesmente bata um papo informal sobre as dores dele ou o que for conveniente e relativo ao seu curso.


 

Veja bem, essa é uma hora para conversar e não somente fazer pesquisa, certo? Pesquisa de cliente ideal, você já deveria ter feito antes de começar a produzir o curso - fique atento!


 

Essa interação sem compromisso com pessoas às quais você já ajudou a resolver uma dor podem resgatar seus porquês e emoções iniciais, de quando você resolveu se dedicar a essa empreitada.


 

Nada como relembrar a diferença que já fizemos na vida das pessoas, para acender a inspiração de escalar isso e colher os frutos, acredite!



 

Pesquise o mercado

 

Novamente, não é hora aqui de fazer uma pesquisa formal. Essa já deve ter acontecido antes de você começar a escrever seus roteiros e produzir os materiais do curso.


 

Estou falando em dar aquela olhada mesmo, checar o que anda acontecendo entre empreendedores e empresários que atuam no mesmo nicho que você.


 

Quais novidades eles estão implantando? Ou talvez, não estejam fazendo nada de novo… Pela inércia ou pela ação, se informar sobre coisas reais, que já movimentam pessoas e dinheiro, é uma ótima forma de:

 

1. Resgatar seus interesses e objetivos de quando começou, redescobrindo e valorizando mais o porquê da sua ideia, que hoje já está virando realidade..

 

2. Descobrir coisas novas que deixamos passar e ter novos insights, seja para complementar uma etapa do seu curso, seja para novos cursos e materiais que você pode produzir, depois de finalizar esse.

 

De um jeito ou de outro, estar envolvido com nosso próprio mercado, ainda que como expectador, é uma forma de se manter em movimento e não deixar o desânimo ou a falta de inspiração bater.


 

Comece a recrutar participantes para sua Turma Beta

 

Se você segue o be-a-bá da Academia de Cursos Online, sabe muito bem que a turma beta é requisito obrigatório para o sucesso da entrega de um produto no mercado digital.


 

Entretanto, mesmo sendo uma entrega diferenciada, mais simples, ainda são necessários vários passos e um certo nível de preparação e planejamento para colocar essa etapa em prática.


 

Talvez você não tenha todo o necessário para já dar o start nessa etapa agora, mas com certeza já possui material suficiente em mãos, sabe que - com ou sem inspiração - está caminhando para a conclusão (mas espero que seja com, viu?).


 

Então que tal começar a pensar como você irá encontrar seus primeiros alunos? A maioria das pessoas prefere entregar o curso gratuitamente para os alunos da primeira versão do curso - pausa para dizer que não recomendo, porém entendo perfeitamente, até porque, eu mesma não cobrei da turma beta da Aco, rs.


 

Se esse for o seu caso, já comece a investigar onde encontrará essas pessoas, como irá abordá-las, se vai fazer algum processo de seleção formal ou informal.


 

Assim como estar em contato com antigos clientes pode reavivar sua empolgação inicial, buscar e interagir seus novos alunos vão alimentar uma inspiração especial, pois de repente, esse processo de construção deixará de ser somente você + expertise + computador e passará a ser sobre você e outro - o que ele precisa e como você pode fazer a diferença.


 

E fazer a diferença é boa parte da motivação dos empreendedores digitais sérios e comprometidos. Por saber disso na prática é que arrisco a dizer que essas dicas não falham, para colocar você de volta na linha da produção com empolgação.


 

Você costuma enfrentar dificuldades para se manter inspirado e seguindo em frente? Isso acontece só com a produção do seu curso, ou em outras áreas da sua vida também?

 

Me conta, vou querer saber ;)


 

Abraços,

Priscila



3 características que sua plataforma de membros deve ter

3 características que sua plataforma de membros deve ter

O que podemos aprender com o escândalo Cambridge Analytica?

O que podemos aprender com o escândalo Cambridge Analytica?