Quais desculpas você tem se dado?

Quais desculpas você tem se dado?

Hoje não quero falar com você empreendedor ou empreendedora. Quero falar com você pessoa, que me lê aí do outro lado da tela.

 

Gostaria muito que você perguntasse a si mesmo: quais desculpas tem se dado?

 

Outro dia tive uma conversa com um amigo que havia se comprometido a fazer uma coisa que ele não estava mais com vontade de fazer.

 

Ele alegou que não era mais a paixão dele e ele reclamou também de se sentir perdido entre tantas coisas que estavam acontecendo.

 

Eu senti muita empatia pela situação dele, mas tive que vestir o meu chapéu de coach, direta e reta, e falar que ele não estava se dando nada além de desculpas.

 

Ele tem um potencial muito grande e poderia facilmente se organizar para encerrar aquele ciclo, mas estava se perdendo em desculpas e muletas, condenando a si próprio.

 

A verdade é que todos nós temos uma capacidade muito grande realização - independente do quanto amamos ou queremos desenvolver algo.

 

O seu potencial de performance é muito além daquilo que você imagina ou sabe.

 

Quer mesmo realizar algo? Qualquer coisa que seja, não estou falando só de negócios não.

 

Então se dedique de verdade, pois você tem capacidade de produzir muito mais.

BRASIL_Pinterest_4 (11).jpg

 

Quais são as dificuldades e as desculpas que você está “enxergando” no meio do caminho, que está se dando e se permitindo usar, apenas para procrastinar seu progresso naquilo que você já enxerga que precisa progredir?

 

Quer ou precisa perder peso, se exercitar? Tem que fazer algo para o seu trabalho ou quem sabe alguma coisa diferente no seu relacionamento?

 

Use uma emoção muito comum, que as vezes olhamos como negativa, mas que você pode usar a seu favor, é a emoção de ficar brava ou bravo, fique P da vida consigo mesmo.

 

Tome isso como um combustível a seu favor e já comece virando essa situação 360 graus na sua cabeça.

 

Enquanto você se contentar com a mediocridade na sua vida e se contentar em simplesmente aceitar que: Ah! Não tem como fazer isso mesmo. Ah! Eu não sou capaz...

 

Enquanto você ficar se contando essas histórias de falta de capacidade e de falta de potencial, tudo aquilo que você não quer, vai continuar se manifestando em sua vida, como realidade.

 

O dia que você tomar uma decisão e decidir colocar um ponto final em qualquer situação ou contexto que te incomode, se empenhar em virar o jogo mesmo e for atrás do que você quer, você vai transformar a sua vida.

 

Não se trata de utopia ou simplesmente de força do pensamento. É sobre não se contentar com nada menos além daquilo que você sabe que merece e tem condições de conquistar.

 

Use todos os sentimentos - até mesmo os negativos de estar P da vida consigo mesmo, para chegar no próximo nível que você deseja.

 

Então hoje fica aqui o meu desafio para você: qual é a área na sua vida com a qual você tem relaxado demais e precisa se dar um puxão de orelha para mudar as coisas? Escolha pelo menos uma e coloque a mão na massa.

 

Seja honesta consigo mesma, e faça acontecer!

 

Abraços,

Priscila



Ladrão de tempo ou vida: será que você é um desses?

Ladrão de tempo ou vida: será que você é um desses?

Você ou seu negócio? Qual o melhor investimento?

Você ou seu negócio? Qual o melhor investimento?