Reputação Online: como ela pode ajudar a crescer seu negócio?

Reputação é o resultado da combinação entre o que você diz e faz, em conjunto com aquilo que as outras pessoas dizem sobre você.

 

Há quem ainda pense que a internet é terra de ninguém – onde podemos ser ou fazer qualquer coisa, que logo cairá no esquecimento. Entretanto, como empreendedores online, devemos saber que isso não é verdade. O que se faz ou diz no mundo virtual, nele permanece, e pode ser “desenterrado” com uma pesquisa rápida.

 

A questão é: você tem deixado um rastro (e gerado uma reputação) que vai impactar positivamente seus negócios?

 

Apesar de essas palavras servirem para qualquer coisa que façamos online – pense especificamente na impressão que o seu empreendimento deixa, e em como isso se traduz, seja para seus já seguidores, seja para uma pessoa que acaba de ouvir seu nome ou marca pela primeira vez

 

Reputação x Autoridade

Antes de seguir em frente, é importante ressaltar que dentro dos negócios online a Reputação a qual me refiro aqui, tem um significado e até mesmo um peso diferente daquilo que conhecemos como Autoridade.


Autoridade é um passo essencial do Marketing de Conteúdo, e construí-la, como você já deve saber, requer muita dedicação e constância por parte do empreendedor.

Trata-se de transmitir a confiança de capacidade e qualificação para prover ao cliente aquilo que ele busca ou que lhe é proposto – o que envolve também, estudo e conhecimento específico do nicho ou área de atuação.

 

Já a reputação diz respeito, não só a capacidade de gerar transformação, mas também se uma pessoa, marca ou produto, está preocupado de fato em entregar aquilo que oferece, se age conforme o que ensina e se zela pelos bons princípios éticos e morais que compõe o mercado e a relação empresa x consumidor.

 

Passos para uma reputação estratégica

Resumidamente, poderíamos dizer que para construir uma boa reputação, basta apenas fazer o que é certo, na hora correta. Mas será que é tão simples assim?

 

Infelizmente, a resposta é não. Muitas vezes lidamos com uma concorrência – e até mesmo clientes ou ‘seguidores’ – desleal, que exige muito mais do que apenas boa intenção de nossa parte (lembrando também dos Haters, que muitas vezes não possuem propósito algum, e ainda assim são capazes de causar um bom estrago quando o assunto é reputação).

 

E sejamos honestos, se tomar as melhores decisões ou atitudes fosse tão simples, todo mundo estaria fazendo, certo?

 

Portanto, quando for tratar da gestão de sua reputação online, é necessário agir estrategicamente, incorporando três passos básicos a sua rotina empreendedora: avaliação, planejamento e monitoramento.

 

Avaliação

O que a internet diz sobre você, sua empresa ou produto?

 

Para entender qual papel você tem ocupado na rede, a estratégia é simples. Mecanismos de buscas.

 

Faça buscas por seu nome completo e variações, além do nome do seu curso e/ou marca nos mecanismos de busca que estão ao seu alcance: Google, Bing, Yahoo. Não se esqueça dos campos de pesquisa presente em todas as redes sociais (nesse caso, faça a busca nas redes que você já tem perfil e costuma estar presente).

 

Após esse passo, considere o que descobriu e como seus seguidores e potenciais clientes podem te enxergar. O que é possível constatar sobre sua reputação? As informações e imagem que transparece para quem está de fora, são realmente a mesma que você intenta?

E é aqui que se inicia o segundo passo.

priscila_hinkle

Planejamento

Aonde você quer chegar? Qual a mensagem que você deseja transmitir e principalmente, qual a imagem que você deve passar para atingir seus fins?

 

Essas são perguntas que você deve fazer ao elaborar um planejamento de suas próprias ações dentro do mundo online, no que diz respeito a construção da sua imagem.

 

O que, de fato, você fará, depende dos resultados que encontrou no passo anterior.

 

Talvez você descubra que existam poucas ou quase nenhuma referência a você ou sua marca – e calma, não há motivos para se desesperar. Ter pouca visibilidade, mas sem carga negativa, é algo bom. Significa que você tem a possibilidade de se dedicar na construção de uma reputação de qualidade.

 

Agora se encontrar menções a episódios negativos de sua vida ou carreira, por exemplo, ou ainda, comentários de clientes insatisfeitos e até possíveis haters, seu trabalho deverá ser voltado a remediar essa situação.

 

Nesse caso, suas ações devem ser pensadas com base no quão grande é a quantidade de informações negativas, e de que modo cada uma delas impacta diretamente em seus negócios.

 

Se forem informações baseadas em falácias de trolls e haters, responder ou se ocupar com isso, será uma decisão unicamente sua. Entretanto, no caso de fatos nos quais você realmente tenha alguma responsabilidade, é importante averiguar a necessidade de se pronunciar sobre isso e prestar esclarecimentos – tanto para as pessoas envolvidas, quanto para seus seguidores e audiência.

 

Monitoramento

Agora que você sabe como anda seu nome no universo online, e decidiu as medidas necessárias para expandir sua reputação ou gerenciar alguma possível crise em torno do nome – seu e da sua marca – chegou a hora de incluir mais uma atividade em sua lista de funções empreendedora, o monitoramento.

 

Mas calma! Monitorar Reputação, não necessariamente significa pular de rede em rede, realizando todo o processo do passo 1 desse texto (que apesar de ser bastante trabalhoso, é um modo simplista de verificação).

 

Hoje existem no mercado diversas ferramentas que automatizam esse processo, e com um pouco de pesquisa, você pode escolher a que mais se enquadra em seu perfil, ou ainda, usar mais de uma – aqui estão algumas sugestões para que você faça sua escolha:

 

Alertas do Google  – de simples manuseio e gratuitas.

Image Raider – ferramenta especializada em monitorar o uso das suas imagens. Extremamente interessante e útil, funciona apenas com acesso premium, ou seja, é paga.

Go Fish Digital – faz busca de menções diretamente em 40 sites específicos de reclamação e é gratuita.

Social Mention – Gratuita, faz buscas em tempo real e apresenta um relatório da análise através de gráficos e estatísticas.

Keyhole – Monitora menções no Facebook, Twitter e Instagran. Possui um plano básico gratuito, mas para utilizar funções mais específicas, é necessário comprar um plano.

 

Como você pode ver, não é necessário ser CEO de uma grande corporação ou estar entre os Top Players do mercado para zelar da sua reputação e imagem, e principalmente, da sua marca e curso online.

 

A importância desse gerenciamento é tanta que já são inúmeras ferramentas criadas para auxiliar a levar essa tarefa a sério – e espero que você escolha a que mais se adeque ao seu perfil empreendedor, e utilize-a em seu benefício. =)

Você utiliza alguma ferramenta de monitoramento online? Já teve alguma surpresa ou experiência desagradável com relação a sua reputação? Compartilhe comigo nos comentários, vou gostar de saber!

 

E me acompanhe no Facebook, Instagram e Youtube, para ter acesso a mais conteúdos que vão te auxiliar a construir um curso online fantástico e alavancar sua jornada empreendedora.

 

Te vejo por lá,

Priscila.