Vá além das expectativas

Vá além das expectativas

A semana passada escrevi sobre a importância de buscarmos o progresso, e não a perfeição.

 

E ainda acredito nisso. Piamente.

 

Mas a verdade é que, embora tenha me segurado em muitos aspectos, ser perfeccionista desde criança também teve seus lados positivos.

 

Afinal, tudo sempre tem seu yin e seu yang.

 

Um desses lados positivos de ser perfeccionista é que, exatamente por eu me cobrar tanto, sempre acabava ultrapassando as expectativas das outras pessoas.

 

Embora isso não tenha ocorrido da maneira mais saudável de todas, me ensinou o quanto isso me destacava do resto das pessoas.

 

No trabalho, se tem uma coisa da qual ninguém nunca pôde dizer de mim é que eu entregava menos do que, ou simplesmente o esperado.

 

Nã-nã-ni-nã-não.

 

Meu lema é, como dizem meus compatriotas americanos: “Go big or go home.” Ok, não tão dramático assim, mas ao menos “não quero fazer o que alguém esperaria da média.”

 

O feito pode até ser melhor do que perfeito mesmo.

 

Mas o bom é inimigo do ótimo. Já escreveram um livro sobre isso, aliás.

 

Ou seja, embora a perfeição não seja algo que possamos atingir, superar as expectativas dos outros não somente é possível como também altamente desejável.

 

Já dizia meu mentor John C. Maxwell que a maioria das pessoas se contenta tanto com o que é medíocre, que se destacar num mundo assim é até de certa forma fácil quando a gente coloca um esforço extra.

 

Quando criança, eu nem sabia disso conscientemente… mas hoje em dia, quando olho ao meu redor, vejo o quão verdadeiro é isso que o John Maxwell diz.

 

E superar expectativas também é importantíssimo nos nossos cursos e negócios. Num mundo repleto de pessoas achando que “ganhar dinheiro” na internet é fácil e que basta colocar qualquer porcaria lá fora que tudo beleza, alguém que leva seu propósito à sério e cria uma MARCA de verdade centrada na qualidade não tem como não se destacar.

 

E é sobre esse tema que trato no vídeo abaixo.

Agora me deixe nos comentários aqui embaixo: você é alguém que costuma intencionalmente ir além das expectativas que os outros têm de você? Por que sim (ou não)? O que te motiva, ou impede de ir além?

 

PS: Se você ainda não leu meu blog e não viu meu vídeo sobre a perfeição, confira lá também. Os dois vídeos vão muito bem juntos. Tipo pipoca (ou pizza) e Guaraná.

 

Xoxo,

Priscila




De que lado você está? “Jeitinho brasileiro” x Integridade

De que lado você está? “Jeitinho brasileiro” x Integridade

Busque o progresso, não a perfeição

Busque o progresso, não a perfeição